Esportes em Morro
sua casa em morro!
Casa em Morro :: +info aquí | Enviar um email: contato@morroimoveis.com
home

 


TURISMO
guia rápido
planeje sua viagem
  - como chegar...
  - onde hospedar-se...
  - o que fazer...
dicas de viagem
travel FAQs
mapas

 


APRENDA SOBRE O MORRO
praias de morro de são paulo
povoado
história

esportes
vida noturna
atividades diurnas

 
Links mais visitados
de morro.travel
linha vertical

linha htal
 Morro.Travel > Aprenda sobre Morro > Esportes em Morro de São Paulo >
Introdução a Surf
linha htal

linha vertical

Algumas opções de Pousadas em Morro de São Paulo
:: Pousada Aquarela ::

Algumas opções de Pousadas em Morro de São Paulo
:: Pousada Caravelas ::

:: Introdução ao Surf ::

Surf

Pode-se dizer que o surf é o mais praticado de todos os esportes radicais. O esporte possui milhares de adeptos espalhados por todo o mundo e sem dúvida, além de ser uma excelente forma de se exercitar é também uma terapia para a mente. Sendo praticado num ambiente como a praia não poderia ser diferente: o surfista fica em perfeita sintonia com a natureza interagindo com o mar e as ondas. Qualquer pessoa pode surfar, basta ter uma prancha e claro, coragem para desafiar as ondas. O nosso litoral é imenso e apresenta todos os tipos de ondas. No caso da Bahia, quem já esteve por aqui sabe que mesmo no inverno as águas são quentes e são muitas as opções de picos.

Morro de São Paulo não está entre os picos mais conhecidos, mas agrada os surfistas que aqui moram e os turistas que vem em busca de ondas perfeitas. Existes inclusive, uma escola que ensina moradores e turistas a surfar. A Morro de São Paulo Surf  School  a cada mês ganha mais alunos interessados em aprender esta modalidade esportiva que apaixona e vicia seus adeptos.

Depois que você cair no mar e deslizar sobre uma onda, nunca mais conseguirá abandonar o esporte! Se este é seu caso, se você está querendo deslizar sobre a espuma de uma onda ou simplesmente deseja aprimorar seus conhecimentos sobre o esporte, leia os textos a seguir. Apontamos algumas características do surf em Morro de São Paulo, dicas em geral e como surgiu o surf. Para saber mais sobre a escola de surf, lei ao link Praias/Primeira Praia/Surf na Primeira Praia.

A História do Surf

O surf surgiu no Havaí, onde segundo registros os povos nativos que tinham como cultura de subsistência a pesca, se atiravam no mar com seus barcos para  pescar e no momento de voltar a terra, deslizavam sobre as ondas, pois asssim chegavam mais rapidamente. Há também documentos bibliográficos que dizem que o surf foi introduzido no Havaí pelo rei polinésio Tahito.

Até o século 20 o surf não era conhecido, até que o grande responsável pela propagação do esporte o nadador havaiano, Duke Paoa Kahanamoku, divulgou o esporte mundialmente. Na época, Duke disputava as Olimpíadas de 1912, em Estocolmo, capital da Suécia, e ganhou uma medalha de ouro na natação. Claro, aproveitou a oportunidade e fez com que o mundo inteiro soubesse que ele era um surfista e como o surf era praticado.

Depois disso Duke introduziu o surf na América, em 1913 e na Austrália, no ano de 1915. No Brasil, as primeiras pranchas surgiram através de turistas e a primeira feita no país foi em 1938, pelos paulistas Osmar Gonçalves, João Roberto e Júlio Putz. A partir disso, as pranchas foram adquirindo as formas atuais e se adequando ao esporte.

Surf
Cada vez mais o surf ganha adeptos e hoje além de ser uma atividade física é considerada também uma filosofia de vida. Os surfistas têm suas características e não é difícil reconhecer um, pois possuem um estilo próprio.

O surf influenciou, inclusive, o aparecimento de outras modalidades esportivas como o windsurf, o skate e o sandboard (surf nas dunas). O órgão que regulamenta e traça as diretrizes do esporte é a Associação dos Surfistas Profissionais (ASP).

Equipamentos

Equipamentos Surf

A prancha, sem dúvida, é fundamental para um bom desempenho do surfista. É preciso que a prancha esteja adaptada ao tamanho e as características físicas do atleta. Além das tradicionais pranchas, que são mais velozes e usadas pelos principais surfistas, existem os tipos Fun e Long Boards.

A modelo Fun Board está entre entre a pranchinha e o long. Já as Long Boards, conhecidas também como pranchões, são as mais tradicionais e tem mais de nove pés ou 2,75 m de comprimento. Além da prancha, um surfista usa o lesh, parafina e se desejar ou precisar uma roupa especial, chamada de neoprene. O lesh é uma corda, que fica amarrada junto ao calcanhar e prende o atleta à prancha.

A parafina é confeccionada com o mesmo material da vela e é passada sobre a prancha, ajudando a segurar os pés do surfista durante a descida na onda. Já o neoprene trata-se de uma roupa de borracha utilizada principalmente no inverno ou em mares frios.

As Manobras

Agora que você já tem algum conhecimento sobre o surf e já pegou algumas dicas, veja as principais manobras que os surfistas fazem para ficar ainda mais fera no assunto e arrasar nas ondas de Morro de São Paulo.

Aéreo: quando o surfista decola sobre a onda e retorna.
Cavada: o surfista vai até embaixo da onda e sobe.
Cut Back: o atleta adianta na onda e volta para dar a manobra na parte crítica.
Floater: manobra em que o surfista sobre a crista da onda.
Rasgada: a rabeta da prancha é jogada para frente e o surfista vira o corpo para onda.
Tubo: considerada a principal manobra do esporte, onde o surfista fica dentro da onda, no meio do tudo.
360º: manobra em que o surfista dá uma volta completa com a prancha na onda

Surf

O Surf em Morro de São Paulo

Surf em Morro de São Paulo

A melhor época para surfar em Morro de São Paulo é no inverno, nos meses de junho a setembro, quando predomina o vento leste que segundo os especialistas é o ideal. Nos demais meses do ano o vento não é tão favorável e as ondas não são tão constantes.

O melhor horário é quando a maré está alta. Na maré baixa não é aconselhável, pois o fundo do mar tem muitos corais e pedras. Recomendamos aos praticantes que antes de cair na água, conversem com os moradores e se informem das medidas a serem tomadas. O surf como qualquer esporte tem regras, inclusive, todo surfista de fora que não for conhecido pelos nativos, ao chegar num pico deve se apresentar. Isto faz parte dos costumes dos adeptos a este tipo de esporte. Agindo desta maneira, você não criará nenhum tipo de problema ou antipatia com os surfistas locais e ainda poderá contar com a ajuda e amizade destes. O que pode ser considerado um fator muito importante dentro do esporte, já que está chegando a um lugar novo e, portanto, desconhecido para você. Pode-se dizer que os surfistas locais são amigáveis, pois possuem características comuns a todos os baianos: simpatia e alegria.

Não será difícil fazer amizade e se enturmar com eles. Sobre os picos de Morro de São Paulo, saiba que existem três points, sendo que dois ficam situados na Primeira Praia: a Pedra do Moleque (outside), onde tem ondas que quebram de direita e a Quebrancinha (inside), ao lado do morro onde fica Farol e geralmente onde surfam os surfistas mais jovens. O outro point se localiza na Quarta Praia. Neste predominam dois tipos de ondas, as que quebram de direita e de esquerda. 

Apesar de Morro de São Paulo receber turistas de todo o mundo e ser caracterizado por uma diversidade onde todas as tribos têm seu espaço, o surf ainda é pouco divulgado.


A maioria dos surfistas de Morro de São Paulo é nativo ou mora há bastante tempo na ilha e fazem do esporte um estilo de vida, levando a sério a prática.

Um destes é o Zé da Glória, morador de Morro de São Paulo há 15 anos e um dos precursores do esporte na ilha. 

Surf-ze da gloria
SURF
Com 39 anos de idade em 2008, Zé pratica o esporte desde os 9 anos. Antes mesmo de residir em Morro de São Paulo, quando ainda morava em Salvador, já costumava visitar a ilha para pegar onda. Desta época até os dias de hoje, ele ressalta que o surf continua igual, ou seja, não houve evolução em relação a investimentos.

Na opinião de Zé, Morro de São Paulo tem em média quatro surfistas locais que poderiam estar inclusive surfando a nível profissional, porém, o problema é que não existe incentivo tanto por parte da iniciativa privada como do poder público.

Formado em Educação Física, pela Universidade Católica de Salvador (UCS), Zé da Glória pode ser considerado um apaixonado pelo surf e faz questão de surfar todos os dias.
Disputou alguns campeonatos, onde teve boa atuação chegando a conquistar o terceiro lugar num evento regional.

Sua especialidade é o longboard, aliás, ele surfa somente com este tipo de prancha e salienta que Morro de São Paulo é um excelente lugar para quem deseja surfar com esta modalidade, pois as ondas são extensas e perfeitas. Sabendo estas informações do surf em Morro de São Paulo, agora poderá também conhecer outras dicas gerais sobre o esporte no texto que segue.

Quem sabe quando você estiver surfando na Primeira Praia, poderá encontrar o Zé da Glória ou um dos surfistas da Morro de São Paulo Surf  School e pegar pessoalmente mais algumas dicas.






Tópicos relacionados: Mergulhe em Morro de São Paulo

Dicas

Se o surf for sua opção para exercitar-se, saiba algumas coisas antes de pegar ondas. Além de ter bom preparo físico e saber o momento certo de entrar no mar, há outros requisitos e procedimentos que deverão ser levados em conta na hora de surfar. 

Para os iniciantes recomenda-se uma prancha grande, maior que a altura da pessoa. Pois quanto maior for a prancha, mais fácil será  a remada e a estabilidade nela.
Não basta apenas saber nadar, é preciso saber respeitar o mar.
Antes de entrar na água, observe as condições do mar. Veja se há correntes e onde as ondas quebram.
Sempre faça alongamento antes de entrar, pois isto evitará câimbras.
O melhor horário para a prática do surf é de manhã, pois o mar está mais lisinho.
Inicie pelas ondas já estouradas, pois são mais suaves e facilitam o equilíbrio.
Evite entrar no mar sozinho e não ultrapasse a arrebentação.
Cuidados com a prancha: após surfar a lave com água e sabão e cubra com uma capa. Não a deixe muito exposta a o sol, pois poderão aparecer bolhas.
É importante usar filtro solar, pois você poderá ficar horas dentro da água  e exposto ao sol quente.
Por fim, uma dica fundamental: ao visitar uma praia desconhecida para você, converse com pessoas que conheçam o local e peça dicas. Não existem duas praias iguais.

Fonte:Baseado no Guia Quatro Rodas / Praias- 200/2001 -  Editora Abril e http://oradical.uol.com.br/surf/oqueesurf.asp

© 2008 Morro.travel | All Rights Reserved
Morro de São Paulo Turismo Ltda
.

Última atualização: 10 | 04 | 2009
morro.travel 2008